Na minha estante: É Proibido Chorar

7 de ago de 2014

Imagem: Google
Hello povo lindo, tudo okay? Hoje quero dividir com vocês um pouquinho sobre o que tem na minha estante de livros. Confesso que ultimamente tenho abandonado alguns livros de lado, mas sei que preciso voltar com o meu habito de ler sempre. Antigamente eu lia um livro a cada semana e hoje em dia leio um por mês... Vamos melhorar isso, não é? Tenho muitos livros novos que ainda não foram lidos, mas primeiro quero ler os antigos. Então hoje venho fazer uma resenha do livro É Proibido Chorar do autor J.M. Simmel. Se você curte livros direcionado à adolescentes, você irá ama-lo. Ele tem um vocabulário super fácil de ser lido.


É Proibido Chorar
Autor: Johannes Mario Simmel
Páginas: 156
Sinopse: É Proibido Chorar é seu primeiro livro para jovens publicado no Brasil, Simmel conta a vida de um grupo de crianças que resolveram ajudar uma colega enganada por um malfeitor. Escrito com leveza e muita graça, sua intenção é mostrar que a amizade é o valor mais importante da vida de todos nós.
O livro tem Maria como personagem principal. Uma garota que tem como maior desejo rever o pai que foi para a guerra, mesmo tudo apontando que ele já morreu. E sua mãe que, muito doente, se encontra internada em um hospital. Ela entrega a um homem -que na verdade é um vigarista- o dinheiro arrecadado para o próximo passeio da escola. Esse homem havia prometido à ela que traria seu pai de volta, mas ele acaba desaparecendo com o dinheiro. Ela acaba sendo acusada pelos professores de ter roubado o dinheiro. Seus amigos que tinham a total confiança nela, sabiam que ela não roubaria o dinheiro, resolveram ajudá-la virando detetives, tentando descobrir quem é o verdadeiro ladrão. Bom, o livro é de leitura adolescente mas eu gostei porque mostra a ingenuidade das crianças, mostra que é possível ser bom e honesto. O livro traz lições valiosas sobre amizade, determinação, humanismo.